Logo Instituto Recomeçar
Enem

SAP registra aumento de 36% no número de inscritos para o Enem PPL

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Foram 17.380 neste ano, 12.778 em 2020 em todo Estado de SP.

O número de inscritos para o Exame Nacional do Ensino Médio para Pessoas Privadas de Liberdade (Enem PPL) nos presídios de São Paulo saltou de 12.778 em 2020 para 17.380 neste ano, um aumento de 36%. As inscrições foram encerradas no mês de setembro. Já as provas serão aplicadas dias 9 e 16 de janeiro de 2022 nas unidades penais da Secretaria da Administração Penitenciária (SAP).

O Enem PPL avalia o desempenho do reeducando que terminou o ensino médio e, a partir de critérios utilizados pelo Ministério da Educação (MEC), permite o acesso ao ensino superior com programas como Sisu, ProUni e Fies. A avaliação é realizada pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep). Segundo o Inep, as provas têm o mesmo grau de dificuldade do Enem regular.

Para preparar os sentenciados de 46 unidades prisionais para a prova, a Coordenadoria de Cidadania e Reintegração Social (CRSC) da SAP, com a Fundação “Prof. Dr. Manoel Pedro Pimentel” (Funap), firmaram uma parceria com o Instituto SEB – que atua no segmento pré-vestibular – para realizar um curso intensivo para o exame. As atividades começaram no último dia 26.

Os presídios participantes poderão baixar ao menos 25 atividades no sistema off-line. O responsável pedagógico indicado pela unidade terá acesso ao sistema, onde poderá efetuar o download dos arquivos e exibir os vídeos por meio de um computador e um projetor ou televisão.

Fonte: SAP

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on whatsapp

Livro Recomeçar:

o cárcere e a necessidade de se transformar no país imutável.

A Renova Eco Peças emprega entre outros profissionais, Douglas Oliveira, egresso do sistema penitenciário indicado pelo Instituto Recomeçar.