Empreendedorismo como Solução de renda para o Egresso do Sistema Prisional

Empreendedorismo como Solução de renda para o Egresso do Sistema Prisional

O Brasil tem a alma empreendedora, mas tem cultura CLT.

Foi nos ensinado sempre nas escolas e na sociedade, e até mesmo promovido pela grande mídia que a vida é: estudar, se formar e arrumar um bom emprego, para ser bem sucedido, certo? Errado! Existem outros caminhos e EMPREENDER é um deles. Quando comparamos o empreendedorismo no Brasil com outros países, vemos que 39% da população economicamente ativa têm negócio próprio, ou seja, para cada 10 pessoas, 4 são empreendedoras.

Já em outros países como EUA (2º lugar), a proporção é de 10 para 1 e na Austrália que esta em 3º lugar, é de 12 para 1.

Pesquisa feita pela GEM que analisa o comportamento empreendedor ano a ano no Brasil e no mundo, mostra conforme tabela abaixo que quase 90% das pessoas decidiram empreender por conta da falta de emprego. Veja essa tabela:

Fonte: GEM Brasil 2019

A situação torna-se ainda mais difícil se o candidato passou pelo sistema prisional. Estudo desenvolvido pelo Ipea (Instituto de Pesquisa e Estatística Aplicada) aponta que 80% dos presos egressos não conseguem trabalho, ou seja as chances são bem menores do que uma pessoa que nunca teve envolvimento com o crime.

Segundo a mesma pesquisa, caso essa pessoa  conseguisse a vaga, a situação ainda não lhe seria favorável, já que seu salário provavelmente ficaria abaixo da metade dos vencimentos de um trabalhador com a ficha criminal limpa.

Sabemos que existe o preconceito da sociedade e a falta de qualificação é outro fator que dificulta a empregabilidade. Quando eles se tornam os patrões, essa situação pode ser modificada e os ganhos se multiplicam, já que eles passam a empregar outros ex-detentos.

Logo, dispor oportunidades de qualificação, crédito e outros incentivos para esse egressos se tornarem donos do seu próprio negócio e mais do que isso, poderem crescer e contratar outros egressos que sofreram os mesmos preconceitos e dificuldades é acreditar que todos nós merecemos recomeçar! E é isso que o Instituto Recomeçar vem trabalhando: em parcerias e estruturando um curso totalmente personalizado para atender o egresso!

Além disso, estamos fechando parcerias para dispor microcrédito para os egressos capacitados, professores empresários e gestores com ampla experiência de mercado e mais do que isso, promovendo parcerias para criar uma comunidade de empreendedorismo social, amparo e empregabilidade, indo numa contra-cultura para mostrar que é possível fazer quando se entende do assunto e quer fazer!

Então você que é egresso do sistema carcerário e tem perfil empreendedor, você terá acesso a essa oportunidade em breve. Você empresário, investidor, ou que possui uma instituição que, de alguma forma pode contribuir para o sucesso desse projeto que já esta saindo do forno, junte-se a nós e vamos fazer história e melhorar a vida de quem sempre foi desassistido e esteve à margem da sociedade.  Seja você também um apoiador da causa, transformador e líder de impacto social.

Todos nós temos o direito de recomeçar e porque não com o empreendedorismo?! Borá?

Marcos Alves  

CEO da Múltiplas Soluções e Professor de Empreendedorismo do Recomeçar

Formado em Administração com grande experiência no mercado de gestão de negócios, marketing e turismo, tendo em sua trajetória executado vários cargos de gestão em organizações, como: O Melhor da Vida (Marketing e Eventos), Designer Tours, CVC, Marsans. Sócio- fundador da Supremo Digital (empresa de marketing e comunicação digital) há mais de 12 anos no mercado e da Múltiplas Soluções. Já atuou como professor de administração e turismo em escolas como Unicsul, Senac, Objetivo e Sequencial. Atualmente é CEO da Múltiplas Soluções consultoria, consultor e palestrante nas áreas de gestão de negócios, marketing e professor de Empreendedorismo do Instituto Recomeçar.

Livro Recomeçar:

o cárcere e a necessidade de se transformar no país imutável.

A Renova Eco Peças emprega entre outros profissionais, Douglas Oliveira, egresso do sistema penitenciário indicado pelo Instituto Recomeçar. 

konya escort konulu izle mobil porno esmer porno anal porno porno izle malatya escort porno izle erotik hikayeler porno hikaye Masini in arenda chisinau hairstyles chirie auto chisinau